9 de fevereiro 2022 Casa Verde e Amarela

Por que o relacionamento financeiro com o banco é tão importante na conquista da casa própria?

Talvez você já tenha ouvido falar que para conseguir realizar o sonho de adquirir seu próprio imóvel é fundamental primeiro estabelecer um bom relacionamento com um banco. Nem todo mundo consegue entender como isso funciona e o motivo dessa importância.

Por isso hoje trazemos nesse post tanto mais clareza sobre o assunto quanto dicas para conseguir alcançar esse objetivo. Acompanhe!

Importância do relacionamento com o banco

Conseguir um empréstimo em um banco não é uma tarefa tão difícil, mas um financiamento é um processo mais complexo e que exige uma análise de crédito mais detalhada. No caso da compra de um imóvel, geralmente estamos falando de um compromisso a longo prazo, com muitas prestações pela frente. Por isso, o banco precisa se respaldar e se certificar de que você está apto a arcar com as parcelas.

Quando a pessoa que está em busca de um financiamento já possui um histórico na instituição financeira, ela consegue verificar se você é um cliente confiável, que oferece poucos riscos por cumprir em dia os compromissos que assume. Isso pode até mesmo te favorecer com prazos e taxas de juros mais vantajosos.

Além disso, quando o banco já te conhece, ele estará pronto para te oferecer as melhores soluções, que irão de encontro às suas condições e necessidades. O banco ainda tem mais facilidade para reunir informações a seu respeito, o que acaba agilizando o processo de aprovação de um financiamento.

Vale dizer ainda que se você é um cliente ativo do banco, já tem algum vínculo com o gerente da sua conta, o que também pode facilitar o processo, pois ele terá conhecimento sobre sua renda e seu histórico.

Dicas para construir um bom relacionamento

É fundamental já começar esse relacionamento ciente de qual é o seu papel e qual é o da instituição financeira. Leia com atenção todo contrato que for assinar e esclareça quaisquer dúvidas que surgirem para conhecer totalmente seus direitos e deveres.

Outro passo é manter-se fiel a um banco e não ficar mudando com frequência, pois a maioria costuma oferecer melhores taxas para clientes mais antigos. Lembre-se que toda operação que o banco realiza está sujeita a riscos, portanto a instituição está mais interessada em negociar com pessoas que ela já teve experiência no quesito pagamento de dívidas e cumprimento de prazos.

Por fim, esteja sempre disponível para solucionar problemas tão logo eles surjam. Ficar inadimplente e fugir dos telefonemas do banco não é a melhor saída quando não conseguir cumprir suas obrigações.

Se porventura não puder pagar uma dívida, procure o banco o quanto antes e busque fazer um acordo. Caso o problema surja de alguma cobrança indevida, entre em contato também para informar e desfazer qualquer mal-entendido.

Gostou de entender melhor por que um bom relacionamento com o banco é tão importante na conquista da casa própria? Se você considera nosso conteúdo relevante, queremos sugerir que você se cadastre em nossa newsletter e receba as notícias do nosso blog em seu e-mail, ficando por dentro das nossas dicas e informações sobre o mercado imobiliário.

Fale conosco

Fale Conosco
Youtube CAC

Receba nossas notícias

Receba as notícias do nosso blog em seu e-mail e fique por dentro das dicas e informações sobre o mercado imobiliário.

Newsletter